: Escrevo não porque sei, mas por gosto e impulso... E assim escrevo errado mesmo...

(E o conteúdo deste blog que não consta fonte, é de minha autoria...)

segunda-feira, 9 de julho de 2012

3 títulos...

1 - Uma história esclarecida;
2 - Outra esperiência em Amizade (alusiva à postagem Uma experiência em Amizade);
3 - "Amizade talvez seja isso" (PZ).

Tenho Uma história na minha vida que começou há muito tempo... Uma história que muitas vezes teve as mais diversas interpretações tanto pelos protagonistas quanto pelo elenco coadjuvante, tanto quanto pelos espctadores: uma bagunça de pensamentos, sensações, que agora nesta altura da vida está esclarecida
História essa que teve inúmeros registros escritos de minha parte dos quais transcrevo a seguir um pequeno trexo:
Aqui em casa, dia de finados (1994 )
Bom, quanto a mim "eu não tenho nada pra dizer", porque "amigos para sempre é o que nós iremos ser" e que "você pode estar longe, muito longe sim, mas por te amar sinto você perto de mim" "e o meu coração contente", porque "a distância não separabólica" e que "se você ficar esperando o seu amor passar" lembre-se que a Sete Cidades "sou bicho do mato mas," ainda sou um Lobisomem Juvenil. E "quando o sol bater à janela do teu quarto," você escancara a janela e "lembra e vê que o caminho é um só" e "que toda dor vem do desejo de não sentirmos dor". "Ou então não terá jamais a chave do seu coração", no Monte Castelo.

Eu posso também dizer que essa, é uma Outra esperiência em Amizade. E que pode ainda ser chamada de Fraternidade de Corações e de Almas, ou um parentesco de carne (aquele que não é de sangue) que foi escolhido e conseguiu respeito e admiração de muitos.

Mas sem delongas eu posso dizer que: "Amizade talvez seja isso" (PZ)!
Abraço, amigo e fraterno!


Parafraseando "Carta de Aniversário" de Padre Roque Schneider:
Desta vez o Correio não vai me trair, porque não preciso dele... Mas também não vou deixar para amanhã, pois a internet poderia me trair...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hum! Vai comentar! Agradecida!